Br Artesanato
Cadastre-se
Entrar
 
HOME
 
 

Lojas


Quem somos

Ações do Bem

Notícias

Canal BRartesanato

Política de Uso

No BRartesanato artesão não paga

Notícias

 





O movimento a favor da atividade artesanal segue em sua 3ª edição. Clique aqui nas Melhores Práticas para conhecer na íntegra o conteúdo. Abaixo segue mais algumas contribuições encaminhadas por artesãos.
 
Projeto de Lei
 
A comunidade artesã pode e deve encaminhar Projeto de Lei à Câmara de Vereadores, através de Iniciativa Popular, para regular matéria de interesse do Município que trata sobre arte e artesanato. Não podemos mais esperar a boa vontade dos prefeitos e vereadores eleitos, mas podemos adotar atitude mais proativa, basta apenas:
Realizar abaixo assinado de no mínimo 5% do eleitorado municipal, constando nome, endereço e nº do título de eleitor;Protocolar na Secretaria da Câmara;Cobrar dos vereadores a aprovação em plenário e;Cobrar do prefeito que sancione a lei;Pronto, depois é fazer cumprir.Exemplos de Projeto de Lei:
Cria Feira de Artesanato semanal;Isenta artesão do pagamento de taxas de licença ...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 22hs30




O Projeto Arte de Fazer e Reciclar implantará a coleta seletiva de lixo na região central de Aquidauana no final de maio de 2012. As regiões beneficiadas estão localizadas entre as ruas Bichara Salamene e João de Almeida Castro e entre as ruas Duque de Caxias e Rua Antônio Cicalise. 
Desde abril estão acontecendo as etapas de sensibilização da comunidade: o grupo de educação ambiental da UFMS coordenado pela profa. Dra. Alice Derbócio está realizando atividades com crianças nas escolas na região. 
No dia 12 de maio acontece a panfletagem de casa em casa com acadêmicos da UFMS coordenados pela profa. Dra. Eva Teixeira, na qual as pessoas serão orientadas sobre como separar o material reciclável em casa. No dia 17 de maio de 2012 acontece um fórum com a participação da comunidade para discutir o projeto. 
Em 2011 foi realizado um projeto piloto da coleta seletiva no Bairro Santa Terezinha. Com a implantação da coleta seletiva na...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs20




A Rede e a renda. Esse foi o título da matéria que abordou a história de diversas rendeiras de Alagoas. Contornando os principais municípios onde se concentram aglomerados dessas mulheres e até homens que tecem com a mão a arte que vendem, a equipe de jornalistas retratou a riqueza cultural dessa prática e o receio de esse artesanato se perder, pela falta de jovens para o aprendizado.
Em oito páginas com belas fotos, os municípios de Marechal Deodoro, Piranhas (com o povoado Entremontes), Pão de Açúcar (com o povoado de Ilha do Ferro) e o bairro do Pontal da Barra, em Maceió, foram retratados pelo sustento dos diversos artesãos. As responsáveis pelo registro foram a repórter Flávia Mendonça e a fotógrafa Carol Campos.
Para Flávia, o litoral alagoano não guarda apenas redutos de mar azul, considerados dos mais bonitos do mundo. “Percorrer essa região é um convite para conhecer histórias de senhorinhas que transformam a renda em um dos artesan...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs19




No IFPA Campus Altamira, onde estão ocorrendo ações do Programa Mulheres Mil, as aulas de Empreendedorismo, ministradas pelo professor Joaquim Marques, se transformaram em um verdadeiro laboratório nos últimos dias. As mulheres participantes do programa compartilharam suas experiências práticas de artesanato durante as aulas.
Além de motivar o espírito empreendedor das participantes, a iniciativa pretende incentivar a abertura de microempresas e pequenas empresas na localidade.
Dentro da disciplina, foram montadas oficinas, as quais são ministradas pelas próprias alunas, com o objetivo de mostrar o talento, a criatividade e a habilidade que cada uma tem, além de promover o trabalho em equipe e a disseminação do conhecimento.
As oficinas ensinam a confeccionar almofadas de tecido com formato de rosas, artesanato sustentável, que aproveita o material da natureza, e bordado de sandálias com miçangas.
Com informações de Larici Keli Roch...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs18




A Feira de Artesanato do Vale do Jequitinhonha na UFMG, chega à sua 13ª edição este ano. De 07 a 12 de maio, a UFMG abre suas portas para a cultura do Vale do Jequitinhonha.  O evento vai trazer cerca de 80 artesãos que vão mostrar um pouco de toda a diversidade da produção artísticas da região. Aberta ao público, a Feira também contará com apresentações culturais de grupos do Vale.
Outro destaque dessa edição é a homenagem às mestras artesãs Dona Maria Pretinha e Dona Isabel.
A centenária Dona Pretinha
Maria Gomes Dias, conhecida em sua comunidade – Estação da Luz, na cidade de Itaobim – como Dona Maria Pretinha,  tem 106 anos, mas uma vitalidade incomum. Ainda criança abandonou os estudos para ajudar o pai e os irmãos na roça. Passavam o dia trabalhando com foice e machado e a noite a família se reunia para “amarrar esteiras”. Dona Pretinha desde criança foi acostumada ao trabalho duro.
Caso...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs17




Nesta quarta-feira (2) e sábado (5), a Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad) em parceria com a Fundação Municipal de Cultura (Fundac) promove a Feira Cultural de Artesanato dos Servidores Municipais, em edição especial, homenageando o Dia das Mães.
O evento será realizado no Armazém Cultural, no complexo da Esplanada Ferroviária, no horário das 15h às 23h e vai contar com a participação de 87 artesãos expositores. Além da diversidade de produtos que os visitantes poderão encontrar, a feira irá contar com programação cultural em todos os dias de realização.
Com a promoção da feira, realizada pelo segundo ano consecutivo, a intenção da Semad é promover a valorização dos servidores públicos municipais que possuem aptidões artísticas para artesanato, fomentar a geração de renda e alternativas no campo do trabalho, incentivar visitação de espaços turísticos, como ponto de encontro e vis...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs16




A turma "Vira e Mexe" do Parque da Amizade abriu inscrições para as aulas gratuitas de artesanato. Os encontros são realizados todas as terças-feiras, às 8h30 ou às 14h. 
Cada aula tem duas horas de duração e ensina os alunos a transformarem garrafas pets, caixas de papelão e retalhos em objetos de decoração e utensílios domésticos.  No parque há materiais para uso dos alunos, porém os professores orientam aos participantes a levarem mais, incentivando a reciclagem de material.
Para participar, os interessados devem se inscrever no Parque da Amizade. Cada turma tem, em média, dez alunos, mas com possibilidades para aumentar. Durante as aulas, os participantes são orientados por uma professora e também podem levar ideias, para compartilhar o conhecimento e aprendizado.
O Parque da Amizade fica na Avenida Olivia Fávaro Piva, 671, no Bairro Alto dos Pinheiros. Mais informações (19) 3844-5514.
Fonte: ...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs15




Jornal, papel, escama de peixe, garrafas PET, isopor, sacolas plásticas, pneus e sucatas. Todo tipo de resíduo sólido é aproveitado nas mãos dos artesãos que vão participar da nona edição do Encontro BsB Sustentável. Na exposição, o velho lixo vira novos produtos, como bijuterias, bolsas, cadernos de anotação, bonecos, quadros e cestas.
O evento é gratuito e será realizado neste sábado (28), das 11h às 17h no Restaurante Cultural Rayuela, na 412 Sul. Além de conhecer a feirinha, o público poderá levar as típicas embalagens de salgadinho e chocolate — aquelas com a parte interna laminada –, que serão recicladas pelo programa Terracycle.
Criado em maio de 2011 pela artesã Flávia Valle, o encontro tem o objetivo de promover a conscientização da sociedade para o consumo sustentável.  Mais informações podem ser consultadas pelo e-mail encontrobsbsustentavel@gmail.com ou peloMarianna Rios
Especial para o Correio b...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs14




Desde criança, Rosely Gomes Miranda, 51 anos, sempre gostou de artesanato. Aos 12, ela começou ajudando uma tia com pinturas em tecidos. No entanto, aos 16, descobriu um câncer. Nessa fase tão difícil, o artesanato ganhou grande espaço em sua vida e em seu coração. Mesmo sem ter feito cursos ou aulas, foi aprendendo um pouco de cada vez.
“O artesanato foi a melhor terapia e o melhor remédio que tive. Quando começava a fazer as peças, esquecia dos problemas e até que estava doente”, contou.
Com o objetivo de preservar também o meio ambiente, Rosely passou a se dedicar mais ao artesanato ecológico, reciclando sucatas como jornal, papelão, embalagens de xampu, vidro, isopor, escama de peixes, folhas de milho, latas, esponja natural, garrafas pet, entre outros, tornando-as lindos utensílios domésticos, a um custo mínimo. Entre as peças confeccionadas estão bandejas, vasos decorativos, porta-retratos e cestinhos de pão, pufes, bolsas, arranjos ...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 19hs13



Histórico





 
Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro
  , / . Bairro - - - faleconosco@brartesanato.com