Br Artesanato
Cadastre-se
Entrar
 
HOME
 
 

Lojas


Quem somos

Ações do Bem

Notícias

Canal BRartesanato

Política de Uso

No BRartesanato artesão não paga

Notícias

 





Uma das grandes novidades deste ano é a feira de artesanato que está funcionando no centro de Pará de Minas, logo ali na rua Antônio Novato, quase esquina com a Benedito Valadares. A feira está acontecendo na Kabrito Artesanato que funciona ao lado da Kabrito Aviamentos. Ela foi idealizada pelo casal de comerciantes Patrícia e Denilson Cabral. E está sendo um sucesso, apresentando muitas peças que agradam às mamães de todas as idades. Denilson tem recebido elogios e está muito feliz com a receptividade do público. A feira apresenta trabalhos artesanais da escola que foi montada pela loja no ano passado. A prova do sucesso dos produtos que estão sendo apresentados na feira da Kabritto Artesanato está no próprio interesse do público. Os consumidores estão comprando presentes que vão para longe. A feira de artesanato da Kabritto Artesanato acompanha o horário de funcionamento do comércio, das 9h às 18h, inclusive no sábado, véspera do dia das mães. Fon...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 14hs11




Dos 49 artesãos divulgados na obra ‘Arte Popular Brasileira’, 21 são artistas alagoanos. Rico por sua criatividade e beleza, o artesanato alagoano sempre foi lembrado por admiradores da arte que passaram a reconhecer a riqueza cultural de nossos artesãos ao longo dos anos. E, com a publicação do livro Arte Popular Brasileira, Vol.2, Alagoas recebeu uma surpresa que comprova a influência do artesanato do Estado na cultura do país: dentre os 49 artistas publicados na obra, 21 são artesãos alagoanos. Para se ter uma ideia, o segundo Estado mais citado teve seis artesãos retratados no livro, um destaque que evidencia a força e a importância do artesanato alagoano no cenário nacional. O livro, que será lançado em maio pela editora Décor Books, é resultado da seleção da empresária Edna Matosinho de Pontes, proprietária da Galeria Pontes, espaço dedicado à arte popular brasileira em São Paulo. Para a elaboração do livro, a Pontes realizou uma triagem...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 14hs09




Quem pensa que o milho ou o trigo servem apenas para alimentação animal ou para o preparo de deliciosos pratos está enganado. A utilização da palha desses cereais está mudando a realidade das artesãs do município de Ibarama, na região Centro-Serra. Os trabalhos artesanais apresentam várias técnicas. Porém, a prioridade na atividade é no uso do milho e do trigo em função do projeto de resgate das sementes crioulas. Além do agricultor plantar para ter a semente, o artesanato gera mais uma renda para as famílias e aproveita uma matéria-prima que normalmente seria desperdiçada. O artesanato serve também para resgatar antigos hábitos, como a visita e a troca de saberes entre as pessoas. As participantes do grupo afirmam que a atividade é uma forma de evitar a depressão e ganhar em qualidade de vida. Em Ibarama há um grupo de artesãs que conta com 25 participantes. Elas confeccionam vários produtos, como bolsas, chapéus com palha de milho e de ...

saiba mais

Postado por: BRartesanato às 14hs01



Histórico





 
Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro
  , / . Bairro - - - faleconosco@brartesanato.com